Amanhã será lançado edital de licitação para a construção da Ferrovia Oeste-Leste

Em visita à Bahia nesta sexta-feira (26), o presidente Luiz Inácio Lula da Silva lança o edital de licitação para construção da Ferrovia de Integração Oeste-Leste (Fiol). O ato acontece em Ilhéus e conta com a presença do governador Jaques Wagner.

Ilhéus é o ponto final da ferrovia, que sai de Figueirópolis, no estado do Tocantins, e percorre 1,4 mil quilômetros, até chegar ao mar. No caminho, ela passa por 32 municípios baianos e cruza o estado de ponta a ponta, no sentido oeste-leste. A Fiol também liga a Bahia a outros estados, através do cruzamento com a Ferrovia Sul-Norte, que terá 3,1 mil quilômetros, entre o Pará e São Paulo.

Segundo Wagner, a Ferrovia Oeste-Leste será uma importante alternativa para o transporte de cargas, estimulando novos investimentos e potencializando as exportações baianas. “Esta é a maior obra de infraestrutura da história da Bahia. É a garantia do escoamento da produção agrícola e mineral e vai contribuir muito para o crescimento do estado”, afirmou.

A Fiol entra na Bahia pelo município de São Desidério, na região oeste, a 1,1 mil quilômetros de Ilhéus. Na zona rural do município, uma placa de madeira fincada no chão indica que aquele ponto faz parte da rota da Ferrovia Oeste-Leste na Bahia. A marcação é uma das poucas deixadas pelo trabalho de medição do projeto, que está concluído.

No oeste, a ferrovia servirá ao transporte dos produtos do agronegócio. Algodão, milho, café e soja, que tem a maior área plantada e este ano produziu uma safra recorde de 2,9 milhões de toneladas.

Mais informações no site www.comunicação.ba.gov.br

%d blogueiros gostam disto: